Tópico dos instrutores

Tudo sobre a arte suave e outras artes está aqui !
Hefe
Mensagens: 1299
Registrado em: 09 Ago 2014 15:10
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Hefe » 02 Dez 2022 19:32

Grappler escreveu:
29 Nov 2022 07:54
Quais as principais dúvidas?
De quanto tempo são as aulas? Quantas pessoas em cada aula +/-? Qual o nível dos presentes? Qual o contexto? Competidores ou não competidores?
Acabei não dando muitos detalhes por querer me manter anonimo no fórum. A academia é filial de uma equipe grande, com metodologia e uma estrutura já pronta para as aulas, divididas em niveis e minha turma é de nivel intermediario, sem nenhum competidor.

A minha dificuldade maior era em administrar o tempo e a gestão dos alunos mesmo. Há dias em que vão pessoas muito diferentes (por exemplo, um pesado, uma mulher, um idoso e um leve forte) e as vezes até pra fazer posição um "atrapalha" o outro, não dá a situação correta da posição ou resiste na hora de praticar a técnica, entre outras coisas que agora não me vem a cabeça.

O intuito do tópico é mais ser um espaço para outras pessoas também postarem duvidas ou sugerir alguns métodos ou exercicios que tentaram e tiveram exito.

Hefe
Mensagens: 1299
Registrado em: 09 Ago 2014 15:10
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Hefe » 02 Dez 2022 19:35

Raul Nutti escreveu:
29 Nov 2022 10:43
Spoiler:
Eu já ministrei algumas aulas para um pequeno projeto social, foram poucas crianças e por pouco tempo , mas já deu uma base.
Eu, particularmente, acho o treino de adultos muito mais fácil do que infantil, pelo simples fato que o adulto pagou para estar ali e você deve tratá-lo como um cliente (como foi dito acima).
Aquecimento eu sempre gostei de fazer como é na maior parte das academias que treinei: Uma corridinha, corre levantando joelho, calcanhar na bunda, etc. E em seguida fazer movimentos mais funcionais: Saída de quadril, amortecimento de queda, rolamento, etc. E por ultimo uma atenção especial aos exercícios de fortalecer o pescoço (Sim, não, orelha no ombro).

Sobre a parte técnica, eu nunca dei aula tanto tempo a ponto de fazer um trabalho de longo prazo mas acredito que se sua unidade não lhe passa um cronograma de aulas (Aqui nosso instrutor recebe as posições da semana para repassar pra gente) você vai ter que organizar um.
Partindo do básico, aprender Jiu Jitsu, eu gosto muito das aulas iniciais do método da Gracie Barra
Primeiro, movimentos básicos né: Ponte, fuga, amortecimento de quedas. Bastante, mesmo, mas precisa explicar o porquê das coisas.
Eu acho a parte defensiva muito mais interessante de ensinar primeiro, pois todo iniciante tem um ímpeto inicial de querer rolar, então se tu ensinar saída de montada e fuga de quadril pra reposição de guarda, já dá pra deixar ele brincar de tentar sobreviver com algum graduado não maldoso.
Mas no fim de toda aula eu ensinava algo "ninja" bem rapidinho: Saída de gravata de porteiro com queda, Kimura da guarda, etc. Essas finalizações bobinhas e com bem poucas repetições (Bem menos que os exercícios básicos) pro cara sentir que tá treinando arte marcial mesmo.

O que eu acho que todo branca precisa aprender no geral:
Conceitos básicos de cada posição:
Se tá dentro da guarda, não adianta abraçar o cara nem tentar estrangular ele dali, precisa posturar, ter o controle de quadril e joelhos e então iniciar os movimentos de passagem
Se tá por baixo na meia, precisa lutar pelas esgrimas para tirar as costas do chão e criar espaço para reposição ou raspagem
Se tá com alguém montado, proteger golas e braços e espernear.
Esse tipo de coisa

Acho que a evolução é muito maior do que colocar alguém pra aprender uma raspagem de guarda aranha junto com o resto da turma e depois ser destruído no tatame por semanas até começar a entender o que que precisa fazer.
Boa. Como falei no post anterior, é uma filial de uma academia com uma metodologia, porem, existe uma certa flexibilidade no aquecimento e para o instrutor colocar caracteristicas suas na posição, contanto que se mantenha no contexto da aula.

Eu sempre tento fazer isso também. Aquecimento com exercicios que se relacionam de alguma forma com a aula do dia, ou mesmo aquecer com posições da aula anterior (o problema nesse caso é o aluno não ter vindo no dia anterior e se enrolar, demandando uma explicação ainda maior e comprometendo o andamento do aquecimento)

Hefe
Mensagens: 1299
Registrado em: 09 Ago 2014 15:10
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Hefe » 02 Dez 2022 19:46

Tony Fla escreveu:
29 Nov 2022 02:07
Até estranhei o post do Dillan hahahahaha.

Alguns pontos para o Hefe, eu procuro ensinar algo a semana toda, pode parecer o básico mas ainda tem pessoas que na segunda é meia guarda, terça queda, quarta guarda aranha e por aí vai, não é o método que acho adequado.

Você é paciente? Isso é bem importante, eu por exemplo tenho preferência por aula infantil e de iniciantes, como é bom ver a evolução do camarada com a coordenação ruim, passar confiança para o mesmo.
Você tem que se conhecer bem, eu tenho um amigo que preferiu trabalhar em obra do que dar aula pra criança (ele odeia), com certeza teria feito alguma merda.

Questão de personalidade dos alunos, certa vez vi o Pé de Pano dizendo que trata os alunos como clientes pois é impossível tratar 700 amigos de forma igual, eu gostei desse ponto de vista.
Esse primeiro ponto eu tento seguir também. Alem disso, se durante a semana passo uma raspagem de guarda para a montada, na outra semana provavelmente passarei ataques da montada, como se fosse uma sequencia do que foi ensinado na semana anterior.

Tenho bastante paciencia. Admiro quem consegue ensinar um aluno a partir do zero. Substitui o professor por um tempo no iniciante e achei bem mais dificil que o intermediario/avançado, principalmente o aluno que está na primeira semana de treino. Alem do fato de gostar de Jiu Jitsu esportivo e não da parte de defesa pessoal, que é obrigatorio ensinar para o aluno iniciante.

Aula para criança também deve ser bem dificil. O problema com os adultos também é que sempre tem alguem que voce tem que educar como se fosse criança. O sujeito não tem noção de nada. Outro dia coloquei um para treinar um faixa branca com uma menina faixa azul e o cara foi pra cima como se fosse a final do Mundial e tive que repreender (o problema é que a aluna era progressista e fiquei preocupado dela achar que estava sendo machista e ela podia se defender sozinha, sendo que estava claramente tomando a pior ali)

Outra coisa que acho importante é o instrutor não treinar com os alunos e estar sempre de olho na aula. Quando se está rolando, não da pra tomar conta da turma, e, um caso como esse anterior, me teria passado batido e podia ter machucado a aluna. Musica também não coloco na minha aula, Acho que alem de atrapalhar a concentração e, se o aluno não conseguir bater e precisar gritar, a música pode atrapalhar e colocar o aluno em risco.

Hefe
Mensagens: 1299
Registrado em: 09 Ago 2014 15:10
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Hefe » 02 Dez 2022 19:49

LeoMatosJJ escreveu:
30 Nov 2022 18:31
Quando eu dava aulas, eu procurava sempre conectar um treino no outro, a sequência de posições da semana precisa ter uma lógica por trás delas.

Na parte "física", era só o suficiente pra aquecer o corpo. Muitas vezes, usava até a própria posição do dia pra aquecer o corpo.

Sempre odiei esse negócio de fazer treino físico antes do treino técnico. Porra, qual a utilidade de ficar fazendo agachamento, burpee, polichinelo, flexão...tu vai fazer essa merda na luta? O que dá gás pra luta é lutar.

Fazia isso justamente pra tentar maximizar o tempo de sparring ou de treino específico.
Essa parte do aquecimento é importante. O cara paga pra aprender Jiu Jitsu e chega na academia parece que ta no crossfit, mas de kimono. Isso era mais comum antigamente mas vejo que está melhorando, pelo menos nas escolas maiores.

Como a turma que estou é intermediante, priorizo treinos especificios (se a a posição do dia foi meia guarda, inicia o treino na meia guarda e, se alguém fizer ponto, volta na posição e, após o tempo determinado, inverte) e 1 ou 2 sparrings, mas bem curtos.

Grappler
Mensagens: 618
Registrado em: 12 Jul 2014 21:13
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Grappler » 03 Dez 2022 09:18

Hefe escreveu:
02 Dez 2022 19:32
Acabei não dando muitos detalhes por querer me manter anonimo no fórum. A academia é filial de uma equipe grande, com metodologia e uma estrutura já pronta para as aulas, divididas em niveis e minha turma é de nivel intermediario, sem nenhum competidor.

A minha dificuldade maior era em administrar o tempo e a gestão dos alunos mesmo. Há dias em que vão pessoas muito diferentes (por exemplo, um pesado, uma mulher, um idoso e um leve forte) e as vezes até pra fazer posição um "atrapalha" o outro, não dá a situação correta da posição ou resiste na hora de praticar a técnica, entre outras coisas que agora não me vem a cabeça.

O intuito do tópico é mais ser um espaço para outras pessoas também postarem duvidas ou sugerir alguns métodos ou exercicios que tentaram e tiveram exito.
Se já tem uma metodologia e estrutura pronta, penso que não haverá grande espaço para inovar.

Se a turma é de nível intermediário, eu já não perderia muito tempo com aqueles movimentos que costumam ser típicos nos treinos (ex: fazer rolamento, fuga de quadril, etc). Se os alunos já os dominarem bem, não vejo necessidade de perder tempo com isso.

Em relação à técnica, se houver alunos de níveis muito diferentes e/ou de tipos corporais muito diferentes, uma coisa que eu raramente vejo a ser feita mas que penso fazer sentido, é dividir a turma em grupos. Depois de ver quem está na aula, se sentir necessidade, divide a turma em grupos e cada grupo faz uma coisa.
Eu não sou apologista de se fazer muitas técnicas por aula, 2 normalmente é suficiente. Depois disso é fazer específico a partir da posição da técnica, com ou sem constrangimentos.
Grappling way of life!

Zearomm
Mensagens: 7
Registrado em: 22 Abr 2015 17:33
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Zearomm » 05 Dez 2022 17:12

Mano, dou aula a uns 7 anos já, pra isso eu montei um curriculum com as técnicas pra cada faixa e sigo ensinando e melhorando ele constante.

Uma das coisas que eu faço de diferente é que não passo uma posição geral pra galera, fiz isso no começo e achei uma merda, o pessoal retem muito pouco a informação. Então eu separo a galera em duplas e vou passando as técnicas individuais mesmo, uma ou duas por semana e o pessoal vai treinando o que aprendeu de novo e repetindo as coisas antigas.

Deu um trabalho no começo até todo mundo pegar o esquema, mas hoje a aula quase que se da sozinha mesmo e o resultado foi bem melhor.

Normalmente eu faço o aquecimento simples (5 minuto de corrida e uns drills), vou pra parte da técnica onde cada aluno tem 3 rounds de 6 minutos pra treinar a parte dele do curriculum, rolamos de alguma posição e depois é livre pra se bater.

Pra lidar com diferentes tipos físicos é conhecimento técnico mesmo, tem que ir adaptando as técnicas pra pessoa conseguir usar, as vezes chego até a trocar ou pular a posição que a pessoa ta praticando. Agora lidar com as personalidades ai é tempo mesmo, só tem que entender que se não vai agradar todo mundo e que precisa de bastante calma

Avatar do usuário
Sambo
Mensagens: 2918
Registrado em: 04 Jul 2014 13:25
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Sambo » 15 Dez 2022 11:21

método GB kids é o melhor que tem mesmo pra essa faixa etária?
Criador do tópico: Treinos a porta fechada!!!

Avatar do usuário
Sambo
Mensagens: 2918
Registrado em: 04 Jul 2014 13:25
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Sambo » 15 Dez 2022 11:24

Criador do tópico: Treinos a porta fechada!!!

albjj
Mensagens: 9
Registrado em: 19 Jan 2016 05:47
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por albjj » 27 Dez 2022 04:43

Na minha academia, todos os treinos tem 1 hr de duração. Nos adultos (Seg,Qua,Qui,19:30~20:30) 10 minutos de aquecimento (movimentos e rolamentos) nunca passei flexão, corrida etc… 50 min de técnica, após o término eu faço a formação, falo alguma coisa ou dou algum recado, e quem quiser ficar para fazer sparring fica (geralmente ficam até umas 21:40), quem não pode vai embora.
(Sex 20:00~21:00 somente sparring)(Domingo de manhã 10:00~ Open mat).

As crianças (Ter, Sex, 19:30~20:30) tem 20 min de aquecimento (movimentos, rolamentos, e brincadeiras de coordenação), 30min de técnica e 10min de sparring.

As técnicas são divididas por semana. Quando chega algum adulto novo, coloco o mais graduado para treinar junto alguma técnica básica ( chave de pé na maioria das vezes). Aqui desde a faixa branca os alunos aprendem chaves de pé e joelho. São 5 anos nesse sistema, todos são duros e ninguém nunca se machucou. No começo fui muito criticado pela "velha guarda", hoje quando vão visitar alguma academia sozinho(por questões de trabalho, ou viagens), sempre procuram chegar depois do aquecimento (que geralmente é corrida, polichinelo, flexão, abdominal etc…) pq dizem que não serve pra nada. rs

Apesar de desenvolver uma amizade, meus alunos são todos tratados como clientes, tenho a opção de mensalidade ou o pagamento por aula, quem consegue vir todas as aulas geralmente paga por mensalidade, e a galera q mora longe, ou trabalha 2 turnos paga por aula.

Também tenho uma boa relação com alguns professores da região, então a cada 1 ou 2 meses nós marcamos um "treinão", vamos até a academia deles, e no mês seguinte eles visitam a nossa.
http://i.imgur.com/828it48.png

Hefe
Mensagens: 1299
Registrado em: 09 Ago 2014 15:10
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Hefe » 03 Jan 2023 23:53

https://www.youtube.com/watch?v=V4QtQTR ... dJiu-Jitsu

Sei que é um video longo, mas achei bastante interessante a forma de ensinar desse professor. Não conhecia ele, mas 2 alunos dele se destacaram sem kimono no ano passado (começaram a treinar com ele depois da faixa preta, mas ok).

O cara se propõe a ensinar Jiu Jitsu (eu chamaria de Grappling, nao Jiu Jitsu, mas, enfim), sem demonstrar nenhuma posição nas aulas, só através de pequeno "jogos" com objetivos simples e claros. Incrivel.

Avatar do usuário
NOGI
Site Admin
Site Admin
Mensagens: 7169
Registrado em: 03 Jul 2014 23:36
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por NOGI » 01 Ago 2023 15:17

Eu me julgo agora ter nível para ser instrutor/professor de wrestling.Minha ideia e voltar a treinar é começar a dar aula ano que vem
Iria fazer um aquecimento dinamico.Todos circulando no tatame pra ter noção de espaço.Fazer 2 ou 3 movimentos simultaneos por exemplo girar ombros e a cabeça ao mesmo tempo.Iria incorporar alguna drill de jiu(treinei 3 anos) como fuga de quadril etc. Levantar o companheiro do mesmo tempo para fortalecer o corpo.Incentivar a fazer ginastica olimpica pra fazer estrelinhas e outros movimentos.PASSADA DE SAMURAI esse e bem específico de wrestling.
Treinar sempre drinks de pegada no aquecimento 2 on1,arm draga,.colar tie,underhooks etc....Em TODAS as direções.
No treino de posição 2 ou 3 posições por dia extremamente bem detalhadas e explicadas.Nao gosto de passar 10 técnicas por dia mal feitas.
Sparrings/rolas:Que nem no Jiu.Todos os dias.
Equipe de competição só entraria quem se agachasse com 2 vezes seu peso se for pesadao e 3 vezes se for levinho.
Imagem

Avatar do usuário
Megatron
Mensagens: 249
Registrado em: 12 Out 2015 15:51
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Megatron » 04 Ago 2023 00:13

Da minha parte, para iniciantes, eu acredito em fortalecimento das valencias de base. (Parece meio obvio, mas ainda vemos muito disso em falta)

Acho que os iniciantes precisam aprender pelo menos uma passagem de guarda e uma raspagem (tesourinha e ou botinha)

Ataques básicos como arm lock montado e na guarda, estrangulamento cruzado, americana e kimura. Gosto de desmembrar esses ataques em etapas.
Ex: Arm bar na guarda, PASSO 1, pegadas de braço e gola e puxa pra quebrar a postura do oponente, PASSO2, fuga de quadril usando as pernas para contenção e olhando a orelha contrária. PASSO 3 passa a perna e finaliza. (DURANTE AS ETAPAS VC VAI CORRIGINDO OS PORMENORES E ENSINANDO DICAS DE PRESSÃO E CONTENÇÃO)
Acredito que a posição não tem que ser feita ate aprender a tecnica, ela tem que ser repetida ate não ser mais possivel de se errar.
Outro ponto que eu acho importante, sobretudo pra iniciantes, é ensinar a defesa assim que se ensina um ataque.
Gosto de ir conectando as posições tbm

Uma outra abordagem que gosto tbm é aquecer ja com situações de jiu.

Alonga e ja aquece fazendo 20 arm locks na guarda ou montado.

Treinos especificos como passa e raspa sao bem vindos.
Ainda no caso dos específicos. Vc pode ensinar uma posição e sua respectiva defesa e so vale atacar com a posição do dia.

Ficou meio grande, mas é por aí o meu caminho.
Black Team ♠️Imagem

Avatar do usuário
NOGI
Site Admin
Site Admin
Mensagens: 7169
Registrado em: 03 Jul 2014 23:36
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por NOGI » 04 Ago 2023 05:50

Acho que o mais importante como professor é ''encurtar o caminho'' de aprendizagem dos seus alunos.Alguns exemplos qualquer:Eu demorei muitos anos pra achar o posicionamento e tempo de entrada perfeito pra quedas contra bons oponentes: Detalhe importante sempre ajoelhe ao lado do pé do adversário.Quando ao tempo de entrada adequado:conduza o oponente quando ele não reagir a algo que voce faz ,dai voce entra nas pernas.Por exemplo puxe a cabeça do adversário e se ele te deixar conduzir por 2 passos(ou meio passo/trotes) se atire na(s)pernas dele.Não tem como ele dar sprawl de forma adequada.
Com antecipação de onde ele vai estar com sequencias e movimentação em diferentes ângulos isso se torna mais facil mas isso ja é algo bem mais avançado.
Imagem

Tartaruga
Mensagens: 13959
Registrado em: 21 Jun 2014 03:30
Contato:

Re: Tópico dos instrutores

Mensagem por Tartaruga » 29 Ago 2023 02:45

Alguem teve acesso ao curso Viver de Jiu-Jitsu, do Fabio Gurgel?
Seres pré-históricos, vivendo em instituições medievais, lidando com tecnologia avançada. Que resultado você espera disso?

Responder

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 9 visitantes