Diário de faixa azul

Tudo sobre a arte suave e outras artes está aqui !
Avatar do usuário
AçoitaBjj
Mensagens: 2289
Registrado em: 25 Abr 2016 20:04
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por AçoitaBjj » 01 Jul 2017 13:47

Hall escreveu:eu acho q acostumei com a azul depois de 10 meses kkkkk

mas fiquei uns dois sem treinar pq me machuquei varias vezes.

Estou pensando o mesmo... mas não competi ainda pra me testar... parei uns 3 meses por umas cirurgia de joelho...
Imagem


Só o Bjj salva !! Oss.

SpeedGame
Mensagens: 543
Registrado em: 14 Mar 2015 15:50
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por SpeedGame » 03 Jul 2017 09:19

Peguei meu 4º grau na azul essa semana, to meio desesperado hahah, quero pegar a roxa não. Quando peguei a azul nem fiquei mt nervoso, até ja meio que esperava, agora a roxa o buraco é muito mais em baixo. Tem faixa roxa la na academia que eu nao consigo nem mexer os olhos. Dicas? :D

Avatar do usuário
AçoitaBjj
Mensagens: 2289
Registrado em: 25 Abr 2016 20:04
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por AçoitaBjj » 03 Jul 2017 10:50

SpeedGame escreveu:Peguei meu 4º grau na azul essa semana, to meio desesperado hahah, quero pegar a roxa não. Quando peguei a azul nem fiquei mt nervoso, até ja meio que esperava, agora a roxa o buraco é muito mais em baixo. Tem faixa roxa la na academia que eu nao consigo nem mexer os olhos. Dicas? :D
Vou demorar muito a começar a pensar nisso.. kkkkkk, mas por outro lado se seu mestre lhe concedeu o 4º grau ele sabe que você está preparado, esse frio na barriga é bem normal quando tem mudança na iminência de acontecer segure a onda que vai dar tudo certo.
Oss.
Imagem


Só o Bjj salva !! Oss.

Avatar do usuário
Raul Nutti
Mensagens: 5417
Registrado em: 23 Nov 2014 20:44
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por Raul Nutti » 04 Jul 2017 08:51

SpeedGame escreveu:Peguei meu 4º grau na azul essa semana, to meio desesperado hahah, quero pegar a roxa não. Quando peguei a azul nem fiquei mt nervoso, até ja meio que esperava, agora a roxa o buraco é muito mais em baixo. Tem faixa roxa la na academia que eu nao consigo nem mexer os olhos. Dicas? :D
Qual o horário do treino?
Esteja no tatame nessa mesma hora
"In wars, boy, fools kill other fools for foolish causes"
Imagem

Avatar do usuário
Ismael
Mensagens: 9
Registrado em: 07 Jul 2016 18:00
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por Ismael » 04 Jul 2017 09:09

Bom dia Galera,
Ontem dei mais um passo dentro da arte.
2º grau na faixa azul, Oss...
Imagem
🔵⚫️⚪️

Buda
Mensagens: 4951
Registrado em: 11 Out 2014 02:24
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por Buda » 04 Jul 2017 11:12

voltei a treinar
to tomando um sufoco danado
até mesmo de faixa branca mais forte fisicamente
dependendo da posiçao que caio entro no modo sobrevivencia kkkkk

o foda é a idade, 35 anos, sedentário, sou fisicamente fraco, ectomorfo, entao pego os caras treinados, mais novos, malham...complicam a minha vida
tb fico sem saber o que fazer em algumas posições, parece que meu raciocinio esta em camera lenta e to cheio de manias no meu jogo

mas pra minha cabeça e saude esta muito legal
to procurando relaxar em relaçao ao resultado, antes ficava muito bolado quando tomava desvantagem no treino ou quando via um amigo menos graduado evoluindo mais rapido...
mas cada um tem seu caminho, cada um tem seu beneficio no jj
e cada um tem seu tempo
tiro isso por um camarada da academia que por meses era saco de pancadas e parecia que nao ia mudar,mas de repente,com muito treino o moleque ficou bom de verdade
me surpreendeu

to voltando a treinar, a malhar a me alimentar melhor e com o tempo e dedicação a evolução vai aparecer naturalmente
vou relaxar em relaçaõ ao resultado e vou soltar o jogo, foda-se se for finaliazado e etc, faz parte da evoluçao

Avatar do usuário
LAWYER
Aprendiz
Aprendiz
Mensagens: 545
Registrado em: 23 Jun 2014 10:44
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por LAWYER » 04 Jul 2017 11:29

Só toma amasso, só passa sufoco, só é finalizado... todo mundo que treina!

E o bom mesmo é treinar! O que não for lesão é ego. Respirem, aproveitem a vida, Jiu-Jitsu é muito bom!

Grande abraço a todos e bom treino!
"Acorde pela manhã e se olhe no espelho, fale contigo mesmo: "- Sou forte, sou digno, tenho inteligência, tenho equilíbrio, vou ter um excelente dia! Saia de casa para seu trabalho, estudo, seja lá o que for, com estes pensamentos e neste dia e em qualquer dia você será um vencedor!"
Mestre Rickson Gracie
11/10/08, durante seminário ministrado no Rio de Janeiro no ginásio do Flamengo.

“God bless and protect my sons and best friends. I love you guys so fucking deep. All my energy, my waves, my fights, my best feelings and energy, Jesus Christ please take care of them.”
Mestre Marcelo Behring
1994, frase em sua prancha de surf.

Imagem

Avatar do usuário
Issão
Apoiador
Apoiador
Mensagens: 326
Registrado em: 22 Jul 2016 12:07
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por Issão » 04 Jul 2017 12:58

Fico felizão sempre que vejo que tem postagem do Lawyer aqui!
Honra mesmo!


Tempo atrás, quando eu comentei que tava bolado com meu desempenho, ele falou algo parecido: é muito melhor ir lá e aproveitar o treino, a presença do professor, dos amigos, e não encanar com essas coisas.
Hoje em dia eu consigo pensar nisso até em campeonatos: o mais importante é se divertir, lutar jiu jitsu e não se machucar.
De resto, assumi compromissos aqui que me tiraram o treino de terça feira.
Agora só to treinando cinco dias por semana, e tá fazendo falta parece ahahahahahaa :lol: :lol: :lol:
.'.
Imagem

Grappler
Mensagens: 618
Registrado em: 12 Jul 2014 21:13
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por Grappler » 12 Jul 2017 11:02

Cuca escreveu:
12 Jul 2017 09:29
Hoje a noite cerimônia de graduação e seminário com Mário Reis....em caráter excepcional ele cobrou apenas 50,00 por cabeça....e tendo a participação ainda do Nicholas Meregáli....

Será a ultima oportunidade pra galera da Alliance aqui do sul a esse preço....o Mário foi promovido a Head Coach da Alliance, assumindo funções do general.

Se pá, ainda ganho meu primeiro grau na azul....

Amanhã conto como foi.

Abraço
Isso quer dizer que o Mário Reis vai liderar a Alliance de SP?
Grappling way of life!

Avatar do usuário
Issão
Apoiador
Apoiador
Mensagens: 326
Registrado em: 22 Jul 2016 12:07
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por Issão » 13 Jul 2017 12:12

Cuca escreveu:
13 Jul 2017 09:33
Seminário ontem bem bacana, alto astral....graduações emocionantes, com histórias de vida e superação muito motivantes....

Mário Reis tava inspirado, ficou por mais de 3 horas batendo papo, passando posições, corrigindo....

Sobre a nova função dentro da Alliance, apesar dele mesmo estar usando o termo HEAD COACH, acho que não é o termo correto....pois o líder técnico dos atleetas de ponta permanece sendo o General como sempre.....o Mário está assumindo o papel de treinador/coach dos atletas de elite da Alliance para os grandes os campeonatos ( mundial, europeu, pan, grand slam, etc )....estando com eles na preparação na Matriz, nos bastidores do campeonato e principalmente na beira do tatame. Vai passar mais tempo em SP, mas não vai deixar POA nem se estabelecerá em SP.

Enfim, foi isso que me explicou.

Muito legal os bastidores do ultimo mundial, entre algumas coisas que ele contou, o embate entre ele e o Fabio Gurgel sobre o Nicholas disputar no time A da Alliance ( O Fábio achava que por ter perdido as ultimas lutas pro Lo e ter se afastado um pouco, o Nicholas não estaria bem....e Mário bancou a escalação garantindo que ele estava focado e bem preparado...). Enfim, foi muito bacana mesmo.
Mano, ouvi um podcast, antes do Mundial, e os caras falaram assim:
Nicholas Meregali sumiu. Ele tá há um tempão sem aparecer nos campeonatos menores. Aí vem uma dúvida: será que ele tá com algum problema ou será que ele tá aprontando alguma?
Os dois hosts do programa apostaram que ele tava aprontando alguma mas o Lo era (e realmente era) franco favorito na categoria.

Bom, o resto é história.
Nicholas veio voando mesmo esse ano.
.'.
Imagem

Avatar do usuário
Issão
Apoiador
Apoiador
Mensagens: 326
Registrado em: 22 Jul 2016 12:07
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por Issão » 13 Jul 2017 18:35

realmente o MR parece ser monstro nessa area.
e cara, não é só no alto nível não.

Meu último campeonato, etapa do estadual, belisquei um pódio, tinha 4 caras, ganhei a primeira luta e perdi a final (andrezao news).
Foi o camp que eu tava mais suave mano. Tipo, fui pra lá mais pra dar uma força pros faixas brancas do que qualquer outra coisa, tanto que fiz minha inscrição aos 48 do segundo tempo!
Bixo, cheguei lá relaxadasso, sem crise mermo.
Na final, mesmo perdendo, arrisquei altos, consegui botar um bom ritmo de luta e perdi pq sou ruim mesmo uahuahauh.

e nem precisei ouvir o discurso do rocky balboa uhauahuah
.'.
Imagem

Yagosoares
Mensagens: 1
Registrado em: 04 Dez 2016 23:56
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por Yagosoares » 31 Jul 2017 23:21

Em campeonatos onde mais tem luta e faixa azul

Avatar do usuário
Alexandre Ribeiro
Mensagens: 112
Registrado em: 15 Out 2015 00:28
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por Alexandre Ribeiro » 03 Ago 2017 14:40

SpeedGame escreveu:
03 Jul 2017 09:19
Peguei meu 4º grau na azul essa semana, to meio desesperado hahah, quero pegar a roxa não. Quando peguei a azul nem fiquei mt nervoso, até ja meio que esperava, agora a roxa o buraco é muito mais em baixo. Tem faixa roxa la na academia que eu nao consigo nem mexer os olhos. Dicas? :D
Tira isso como motivação. Digo, aproveita o momento e complete as lacunas que você possui no seu jogo (ninguém melhor que você mesmo pra saber isso), fazendo esse grau valer a pena. Assim, quando a roxa vier, é só alegria e ser amassado rs. Parabéns, ta quase hehe.

acandido
Mensagens: 3
Registrado em: 25 Jul 2017 12:20
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por acandido » 04 Ago 2017 17:31

Boa tarde,

meu primeiro post aqui no fórum, depois de algum tempo acompanhando como leitor, e mais de um ano sem ler nada por aqui, resolvi me cadastra para trocar experiências e informações.

Sou do rio de janeiro e comecei a fazer JJ em Outubro de 2013 com um mestre amigo meu de infância por motivo de saúde, precisava de uma atividade física, perder peso, e promover uma mudança de hábitos de vida, treinei na Nova União em Laranjeiras e entre muitas idas e vindas por contra de excesso de peso e muitas lesões enfim em novembro de 2015 peguei minha faixa azul.

Devido a uma mudança radical de vida, emprego, casamento e etc ... não consegui fazer nem dois treinos com a minha nova graduação, fui morar em jacarepagua que é um grande bairro no RJ e com muitas academias de JJ, mas infelizmente demorei mais de um ano para encontrar uma que se encaixasse com o meu horário de trabalho.

Tenho 43 anos e estou com 115kg, 15 a mais do que o peso que estava quando peguei minha faixa azul, fui muito bem recebido na Faquir Brothers, comandada por Fabiano Faquir (Fabiano Cleto) e seu irmão Adriano Cleto, a maioria dos meus companheiros de treino são mais leves e mais novos que eu, com um ou 2 num peso mais próximo ao meu e o retorno em abril desse ano foi doído ... muitos "amassos", aquela dor de cabeça que parece que o tampo da cabeça vai descolar e sair voando que nem um foguete, muitas cartelas de miosan, musculare após os treinos que numa meta ousada somavam 3x na semana, agora, após 4 meses, sem nenhuma lesão grave que interrompa meus dias de treino, consigo de 4 a 5x na semana, os rolas lá são duros, e com uma duração entre 8 e 10 minutos ... nos dias que estou melhor faço 3 ou 4, nos dias mais cansado faço 2 ou 3 ... mas, confesso, ainda é doído ... sem o apoio de um reforço muscular, ou uma atividade aeróbica para ajudar a evolução fica bem complicado treinar principalmente com companheiros mais novos, com mais força isométrica.

Acho que o fundamental na minha volta com o JJ foi o conceito de treinar para voltar no dia seguinte, assim consigo me poupar de lesões mais graves, e aos poucos vou me condicionando e endurecendo cada vez mais os meus treinos com meus companheiros.

O JJ promoveu uma mudança em minha vida que foi muito positiva, apesar do excesso de peso, meus exames são muito bons, e o meu gás vem melhorando gradativamente, assim consigo visualizar melhor as posições que eu conheço, consigo relembrar outras posições, o que eu perdi muito foi a capacidade de jogar por baixo, estou tentando jogar com mais leves para me lembrar de raspagens, chaves que aprendi e que conseguiam me salvar no sufoco.

espero trocar informações com todos aqui

um abraço
Imagem

Avatar do usuário
Alexandre Ribeiro
Mensagens: 112
Registrado em: 15 Out 2015 00:28
Contato:

Re: Diário de faixa azul

Mensagem por Alexandre Ribeiro » 04 Ago 2017 19:39

acandido escreveu:
04 Ago 2017 17:31
Boa tarde,

meu primeiro post aqui no fórum, depois de algum tempo acompanhando como leitor, e mais de um ano sem ler nada por aqui, resolvi me cadastra para trocar experiências e informações.

Sou do rio de janeiro e comecei a fazer JJ em Outubro de 2013 com um mestre amigo meu de infância por motivo de saúde, precisava de uma atividade física, perder peso, e promover uma mudança de hábitos de vida, treinei na Nova União em Laranjeiras e entre muitas idas e vindas por contra de excesso de peso e muitas lesões enfim em novembro de 2015 peguei minha faixa azul.

Devido a uma mudança radical de vida, emprego, casamento e etc ... não consegui fazer nem dois treinos com a minha nova graduação, fui morar em jacarepagua que é um grande bairro no RJ e com muitas academias de JJ, mas infelizmente demorei mais de um ano para encontrar uma que se encaixasse com o meu horário de trabalho.

Tenho 43 anos e estou com 115kg, 15 a mais do que o peso que estava quando peguei minha faixa azul, fui muito bem recebido na Faquir Brothers, comandada por Fabiano Faquir (Fabiano Cleto) e seu irmão Adriano Cleto, a maioria dos meus companheiros de treino são mais leves e mais novos que eu, com um ou 2 num peso mais próximo ao meu e o retorno em abril desse ano foi doído ... muitos "amassos", aquela dor de cabeça que parece que o tampo da cabeça vai descolar e sair voando que nem um foguete, muitas cartelas de miosan, musculare após os treinos que numa meta ousada somavam 3x na semana, agora, após 4 meses, sem nenhuma lesão grave que interrompa meus dias de treino, consigo de 4 a 5x na semana, os rolas lá são duros, e com uma duração entre 8 e 10 minutos ... nos dias que estou melhor faço 3 ou 4, nos dias mais cansado faço 2 ou 3 ... mas, confesso, ainda é doído ... sem o apoio de um reforço muscular, ou uma atividade aeróbica para ajudar a evolução fica bem complicado treinar principalmente com companheiros mais novos, com mais força isométrica.

Acho que o fundamental na minha volta com o JJ foi o conceito de treinar para voltar no dia seguinte, assim consigo me poupar de lesões mais graves, e aos poucos vou me condicionando e endurecendo cada vez mais os meus treinos com meus companheiros.

O JJ promoveu uma mudança em minha vida que foi muito positiva, apesar do excesso de peso, meus exames são muito bons, e o meu gás vem melhorando gradativamente, assim consigo visualizar melhor as posições que eu conheço, consigo relembrar outras posições, o que eu perdi muito foi a capacidade de jogar por baixo, estou tentando jogar com mais leves para me lembrar de raspagens, chaves que aprendi e que conseguiam me salvar no sufoco.

espero trocar informações com todos aqui

um abraço
Bem vindo de volta aos tatames camarada. Nesse retorno é assim mesmo, sequências, gás, e etc, tudo isso é construído treino a treino. Só não pode parar novamente rs. Oss.

Responder

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 116 visitantes