Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Assuntos gerais que não se enquadrem nos fóruns oficiais serão discutidos aqui.
Avatar do usuário
Ron
Usuário
Usuário
Mensagens: 2887
Registrado em: 23 Out 2014 19:54
Contato:

Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por Ron » 22 Mai 2020 15:35

Eu ouvi um podcast sobre o caso e achei uma das maiores bizarrices e crueldades que já vi. Foi muita gente. Não é 40 anos porque a reportagem é do final de 2018.

Imagem
Jim Jones pregava um cristianismo de cunho socialista

Até os ataques de 11 de setembro, a maior tragédia envolvendo ações deliberadas contra civis americanos teve lugar em meio à floresta amazônica, no território da Guiana – há exatamente 40 anos.

Em 18 de novembro de 1978, 918 pessoas morreram em um misto de suicídio coletivo e assassinatos em Jonestown, uma comuna fundada por Jim Jones, pastor e fundador do Templo Popular, uma seita pentecostal cristã de orientação socialista.

Embora algumas pessoas tenham sido mortas a tiros e facadas, a grande maioria pereceu ao beber, sob as ordens do pastor, veneno misturado a um ponche de frutas.

Foi um fim trágico para um projeto utópico iniciado em 1956, no Estado americano de Indiana.

Apesar de promover curas "milagrosas" fraudulentas, Jones promoveu ideais igualitários, como impor vestuário modesto para os frequentadores de cultos, distribuição de comida gratuita e mesmo o fornecimento de carvão para famílias mais pobres no inverno, o que atraiu um imenso contingente de fiéis de perfis raciais mais diversos.

'Messiânico'

Em meados dos anos 60, o Templo Popular se mudou para a Califórnia, considerada mais aberta a ideais como os defendidos pelo pastor. Nos anos seguintes, o movimento ganhou popularidade suficiente para que Jones circulasse entre os poderosos – a primeira-dama Rosalynn Carter, por exemplo, encontrou-se várias vezes com ele.

Mas a seita também despertou suspeitas e investigações da mídia americana, que explorou relatos de dissidentes sobre um suposto estilo messiânico e ditatorial do pastor. O escrutínio levou Jones a buscar refúgio na Guiana, onde conseguiu permissão das autoridades locais em 1974 para arrendar um terreno em meio à selva e criar uma comuna longe de olhos mais curiosos.

ImagemCorpos de habitantes de Jonestown

Jonestown, como o assentamento foi batizado, tinha uma escola, bangalôs e um pavilhão central, além de espaço para que os habitantes plantassem verduras e legumes. O pastor e centenas de seguidores se mudaram para lá em meados de 1977.

A única forma de contato com o mundo era um rádio de ondas curtas. Houve relatos de que Jones promovia um regime ditatorial, marcado por punições severas e pela presença de guardas armados para tentar evitar fugas.

O pastor também avisava aos seguidores que os serviços de segurança americanos estavam "conspirando contra Jonestown", e que uma das soluções seria um "suicídio revolucionário". Algo que, por sinal, teria sido ensaiado algumas vezes em assembleias.

Em 1978, alertado pela preocupação de parentes de integrantes da comuna, o deputado federal Leo Ryan viajou à Guiana com uma delegação de 18 pessoas para visitar Jonestown.

Depois de negociar entrada no local, a visita ocorreu em 17 de novembro. No dia seguinte, Ryan e mais quatro pessoas morreram a tiros em uma pista de pouso próxima ao assentamento. Poucas horas depois ocorreu o suicídio coletivo, considerado o maior da história.

Os relatos de sobreviventes falam em um "estado de transe coletivo", mas uma sinistra gravação dos procedimentos, que inclui discursos de Jones, contém gritos de agonia das pessoas envenenadas. Muitos dos que tentaram fugir foram mortos.

Imagem
Laura Kohl escreveu um livro para contar experiências

Quando autoridades da Guiana chegaram a Jonestown, o pastor foi encontrado morto com um tiro na cabeça, em uma posição que sugeriu suicídio. Dos habitantes que estavam em Jonestown naquele dia, apenas 35 sobreviveram. Mas também são considerados sobreviventes pessoas como Laura Johnston Kohl, que naquele dia estava na capital guianesa, Georgetown, comprando mantimentos para a comuna.

"Nós éramos visionários que deixaram para trás os confortos da vida urbana e se mudaram para o meio da floresta para criar um modelo de comunidade para o resto do mundo. Jim Jones era articulado para mascarar as partes dele que eram corruptas ou doentes", explica Kohl, autora de um livro em que relatou suas experiências no culto.

Quatro décadas depois da tragédia, Jonestown ainda provoca polêmica na Guiana. O terreno da comuna foi "reconquistado" pela floresta, mas há no país quem queira ver o local explorado como ponto turístico, assim como acontece nos antigos campos de concentração nazistas na Europa, por exemplo. Mas o governo do país tem se recusado a considerar a possibilidade.

https://www.bbc.com/portuguese/geral-46258859
Rei da Fake news: El Chavo del ocho

Avatar do usuário
Thief
Usuário
Usuário
Mensagens: 220
Registrado em: 16 Out 2014 12:22
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por Thief » 22 Mai 2020 16:02

Fanatismo !
Seja religioso , politico , ideológico . Pessoas ficam cegas e são capazes de cometerem as maiores atrocidades para protegerem suas convicções .

PHDookie
Usuário
Usuário
Mensagens: 9350
Registrado em: 04 Out 2014 21:06
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por PHDookie » 22 Mai 2020 16:34

Quando pessoas perdidas, desesperadas encontram um salvador que fala aquilo que elas querem ouvir acontece tragedias...

Braziliano
Usuário
Usuário
Mensagens: 26
Registrado em: 04 Mai 2020 09:04
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por Braziliano » 22 Mai 2020 16:53

Nada substitui a fé autêntica e sincera, distanciada de todos os rituais formalistas dos falsos religiosos de todas as épocas, que fazem das orações momentos de exaltação de sua vaidade, de demonstração de um poder miserável do qual nunca dão testemunho pessoal, de ameaça a fé sincera de muitos incautos que entregam nas mãos de tais indignos sacerdotes de todas as crenças, a responsabilidade por pastorearem um rebanho, esquecendo-se das advertências de Jesus de que:
"Quando um cego guia outro, ambos caem no buraco"

Do livro: O amor jamais te esquece
Psicografado pelo médium André Luiz Ruiz
Ditado pelo espírito Lucius.

Avatar do usuário
Atilio_r
Usuário
Usuário
Mensagens: 421
Registrado em: 23 Abr 2015 10:50
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por Atilio_r » 22 Mai 2020 18:47

PHDookie escreveu:
22 Mai 2020 16:34
Quando pessoas perdidas, desesperadas encontram um salvador que fala aquilo que elas querem ouvir acontece tragedias...
Sempre aparece um maluco desses, no caso de cultos teve daquele Shoko Asahara, que planejou o ataque terrorista no metrô de Tokyo e o Osho que dispensa comentários.
Spoiler:
phpBB [video]
SPFC|FC SCHALKE 04|JUVENTUS FC

Avatar do usuário
Aldebarã
Usuário
Usuário
Mensagens: 4404
Registrado em: 23 Nov 2014 18:29
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por Aldebarã » 23 Mai 2020 00:53

Ou seja, até a mais pura forma de socialismo não dá certo.
Philypi de oxum, macumbeiro metido a pcikologu. Saravá, minha mãe! Ê parrei, meu filho kkkkkkkkk

SUICIDAL
Usuário
Usuário
Mensagens: 5583
Registrado em: 02 Out 2014 14:17
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por SUICIDAL » 23 Mai 2020 00:57

Thief escreveu:
22 Mai 2020 16:02
Fanatismo !
Seja religioso , politico , ideológico . Pessoas ficam cegas e são capazes de cometerem as maiores atrocidades para protegerem suas convicções .
E como um esquizofrênico, psicopata conseguem fazer uma lavagem cerebral em várias pessoas, acontece muito.

Imagine com o uso de redes sociais, robôs e muita gente semianalfabeta lendo e compartilhando.
Amanheceu mais uma vez, é hora de acordar para vencer!!!

Avatar do usuário
Paulo J.
Usuário
Usuário
Mensagens: 11509
Registrado em: 09 Abr 2016 21:04
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por Paulo J. » 23 Mai 2020 03:39

SUICIDAL escreveu:
23 Mai 2020 00:57
E como um esquizofrênico, psicopata conseguem fazer uma lavagem cerebral em várias pessoas, acontece muito.

Imagine com o uso de redes sociais, robôs e muita gente semianalfabeta lendo e compartilhando.
Tá explodindo de fanáticos. Por favor, acabem com essa liberdade papai Estado...

SUICIDAL
Usuário
Usuário
Mensagens: 5583
Registrado em: 02 Out 2014 14:17
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por SUICIDAL » 23 Mai 2020 10:04

Paulo J. escreveu:
23 Mai 2020 03:39
Tá explodindo de fanáticos. Por favor, acabem com essa liberdade papai Estado...
Pura verdade mestre PJ. Tem que medicar e tratar os malucos esquizos... YouTube têm vários fazendo vídeos também e fóruns. Complicado demais.
Amanheceu mais uma vez, é hora de acordar para vencer!!!

CJS
Usuário
Usuário
Mensagens: 217
Registrado em: 14 Abr 2020 15:38
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por CJS » 23 Mai 2020 12:15

É só olhar o tanto de seguidor que o Olavo de Carvalho tem. Mesma coisa.

Avatar do usuário
Punisher
Usuário
Usuário
Mensagens: 451
Registrado em: 03 Out 2014 14:36
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por Punisher » 23 Mai 2020 22:03

Eu lembro que anos atras eu ouvi um audio da ultima pregação desse maluco e uma das moradoras de lá ficou debatendo com ele tentando colocar um pouco de juizo sem conseguir muito exito, ao fundo dava ´pra puvir choro de crianças e gritos. Uma das coisas mais sinistras que ja ouvi.
Brasil não tem partido de direita, de esquerda, de nada, tem um bando de FDPs que se reúnem pra roubar!
"What We Do In Life Echoes In Eternity"
6-3-3

Avatar do usuário
Michael Scofield
Usuário
Usuário
Mensagens: 9473
Registrado em: 20 Abr 2015 14:04
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por Michael Scofield » 24 Mai 2020 10:45

SUICIDAL escreveu:
23 Mai 2020 00:57
E como um esquizofrênico, psicopata conseguem fazer uma lavagem cerebral em várias pessoas, acontece muito.

Imagine com o uso de redes sociais, robôs e muita gente semianalfabeta lendo e compartilhando.
Isso existe até hoje. Basta ver a seita do Jim Jones da Virgínia:

Imagem
Parece que está começando a ir embora a questão do vírus - Micto, Bolso. 12/04/2020

Avatar do usuário
Jaisonn
Usuário
Usuário
Mensagens: 3305
Registrado em: 16 Jun 2019 15:36
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por Jaisonn » 24 Mai 2020 10:50

pq apagaram meu post? klingonagem ta foda hein

Avatar do usuário
patola
Usuário
Usuário
Mensagens: 3550
Registrado em: 31 Jan 2019 18:48
Contato:

Re: Jonestown, 40 anos: o que levou ao maior suicídio coletivo da história

Mensagem por patola » 24 Mai 2020 12:40

Aldebarã escreveu:
23 Mai 2020 00:53
Ou seja, até a mais pura forma de socialismo não dá certo.
*religião :lol:
Every way of man is right in his own mind..... The Lord ponders the heart. Proverbs 21:2

Responder

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Batman, Fabricio Melgado, The Boi e 45 visitantes